Como escolher um estrado para a sua cama?

Como escolher um estrado para a sua cama?

 

Há vários elementos a considerar na escolha do seu equipamento de descanso: o colchão, o estrado, os materiais utilizados (espumas e tecidos), a almofada, entre outros. No entanto, é o conjunto destes elementos que define a qualidade do seu sono.


Mas como em tudo, começamos pela base: o estrado. É o estrado que sustenta o peso do colchão tendo um papel essencial na segurança, conforto e respirabilidade.


O primeiro fator a considerar é a medida do colchão que deve encaixar perfeitamente no estrado, para garantir estabilidade. O estrado deve ser ripado para proporcionar máxima respirabilidade ao colchão. O espaço entre as ripas deve ser entre 2 e 4 cm.


É importante adequar o estrado ao peso do utilizador, o que poderá influenciar a escolha do material. Por exemplo, um estrado metálico, por ser mais resistente, poderá ser a melhor solução para um utilizador com peso elevado.


No caso dos estrados de ripas em madeira, é essencial escolher madeira de qualidade. Os estrados de aglomerado são desaconselhados, pois não permitem a ventilação do colchão, diminuem a sua durabilidade, e não garantem uma sustentação adequada. A madeira de faia é uma das melhores alternativas, utilizando lâminas e suportes flexíveis para dar apoio e proporcionar uma correção postural. Para além de ser um produto sustentável, permite que o colchão respire e se adapte de forma personalizada, evitando a rigidez.

Os estrados metálicos têm arestas arredondadas, são duráveis, resistentes e fáceis de limpar.

Outra opção são os estrados em fibra de carbono para máxima resistência e apoio.

Também existem estrados em PVC que são mais leves e ideais para casas com elevados níveis de humidade. No entanto, as camas necessitam de travessas interiores para um maior reforço.

 

Os estrados podem ser fixos ou articulados. Os estrados articulados vão permitir um descanso personalizado e, por sua, vez, mais saudável ao corresponder às necessidades de cada utilizador.

Se utilizarmos um suporte adequado podemos evitar alterações de peso e patologias ao longo da vida. Mesmo no caso de pessoas jovens, pode ser necessário aplicar arranjos na posição de um estrado para aliviar os pontos de pressão ou tensão muscular.

 

Existem estrados com pés ou sem pés. Os estrados com pés permitem uma maior respirabilidade.

 

Na hora de escolher o estrado, tenha sempre em conta a questão da ergonomia do sistema de descanso. Não se deixe iludir pelas características promocionais do produto (cor, desenho, corte), e selecione um estrado adaptado às suas necessidades. E, não se esqueça, um bom estrado não resolve tudo! É o conjunto de vários fatores que contribuem para uma boa noite de sono.

 


linkedin social icon facebook social icon twitter social icon